Mulheres empreendedoras na diáspora

Clara Zetkin

Agosto de 1910 Clara Zetkin  responsável pela liderança do partido socialista Alemão propõe pela primeira vez uma data para assinalar a comemoração da luta pelos  direitos das mulheres trabalhadoras. Assim começaria uma série de movimentos pelo mundo que culminariam na criação do dia oito de Março como   o Dia Internacional da Mulher mais tarde  sugerido pelas Nações Unidas.

Foi também neste contexto que Tiamo Veloso e Isabel do Nascimento, ambas empresárias decidiram juntar-se e criar o evento “ Mulheres Empreendedoras na Diáspora”.

 

 

 

A casa de Angola em Portugal serviu de palco para o jantar e entrega de prémios as mulheres, que para estas duas empresárias se têm destacado profissionalmente na Diáspora, não poderia faltar.

 

 

 

 

 

 

Tiamo Veloso e Isabel do Nascimento

Foi  uma honra poder sentar com mulheres de várias idades e  diferentes experiências a mesma mesa,  poder ficar a conhecer instituições e mulheres que têm contribuído para levar o nome de África mais além.

 

Espero que as entidades que contribuem para que este tipo de eventos possam prosseguir! Não virem as costas a  causas como esta, para  que eventos como estes  ganhem mais e mais adeptas e a cima de tudo, jovens como eu não façam jamais apagar a história.

Obrigada Tiamo e Isabel, sei que a vossa luta ainda agora começou mas  espero que o próximo ano possam  organizar com todo o tempo e dedicação para que supere as nossas expectativas.